segunda-feira, 23 de Março de 2009

Songo, Cahora Bassa

A Vila do Songo é a sede do distrito de Cahora Bassa, localizado na província de Tete. É aqui, a cerca de uma dezena de quilómetros da vila, que se situa a Hidroeléctrica de Cahora Bassa.


Trata-se de uma vila onde tudo se confunde com a própria história do gigantesco empreendimento. Dizem que é a vila mais iluminada de Moçambique! - E é verdade: por todo o lado vemos candeeiros devido à proximidade de Cahora Bassa. Com um tempo ameno - não costuma passar dos 25º - é um sítio onde se pode descansar. Inicialmente, o Songo começou por ser apenas um dormitório para os trabalhadores da barragem ... mas muitos acabaram por ficar e ainda vivem nesta pacata vila, onde só vemos pequenas vivendas com quintais, quase escondidas por entre o verde abundante.

Chegando à barragem de Cahora Bassa, deparamo-nos com vales e serras maravilhosas completamente virgens ... e lá em baixo está mais um monumento natural, o rio Zambeze. Um rio que passa por cinco países e que, juntamente com a albufeira da barragem, nos dá a oportunidade de admirar uma das mais belas paisagens que a natureza oferece. Tanto na albufeira como ao longo do percurso fluvial, conseguem avistar-se crocodilos, hipopótamos e outros répteis. Infelizmente, não consegui ver nenhum devido à falta de tempo. O rio é ainda palco de importantes pescarias, não só para locais como para turistas, por causa do peixe capenta e do peixe tigre, ambos deliciosos ... como comprovei!


Ficam aqui algumas fotos dos três dias que passámos no Songo ... e também dos belos momentos a recordar. Partimos já com saudades e com a promessa de lá voltar.

10 comentários:

solta disse...

Não viste reptéis ... mas viste outros bichos bem giros!!!

***

Anónimo disse...

Tenho 47 anos de idade,estive a estudar em Songo e vivi lá. Estive em Moçambique em Lourenço Marques, Tete, Songo e adorei lá ter estado, vim com 15 anos para Portugal

vilma disse...

PAISAGENS LINDAS QUE SONGO, POSSUI APARECAM MAIS VESEZ NO NOSSO BELO MOCAMBIQUE E APRECIEM MAIS AS BELDADES DA NOSSA TERRA.
UM NDATENDA(OBRIGADO) POR MOSTRAREM ESTA BELDADE PRO MUNDO A FORA
PAZ E AMOR

cheila da luz disse...

É com as lágrimas nos olhos e o coração bem apertado que vejo fotos da minha terra... terra que deixei à 16 anos sem ainda la ter regressado... mas espero que o regresso esteja para breve. MUITO OBRIGADO por este momento de nostalgia.

Adelino disse...

Cumpri parte do meu serviço militar obrigatório(1972/74) em Tete e conheci o planalto do Songo onde estive durante a construção da barragem e implantação no terreno das torres de transporte de energia elétrica para a antiga Rodésia, África do Sul, etc.
Apesar das circunstâncias em que me encontrava aí,apreciei muito as lindas paisagens de Moçambique...

jobar disse...

ujemjdhjnclçmwelkjq ncnmho87udwiemncv

jobar disse...

ujemjdhjnclçmwelkjq ncnmho87udwiemncv

jobar disse...

songo onde vivi de 72/74 uma das fazes felizes da minha vida.estive no destacamento policial do songo.c.caç.4543/72 um plutão fazia o controle de entradas no posto da maroeira,local de entrada do songo e barragem.vi hepopotamos,crocodilos,e tive o prazer de trabalhar nessa grandiosa barragem.osongo era um paraiso.e hoje?caso alguem se identifique com algumas coisas.pode escrever p/ jorita20@hotmail.com

jobar disse...

a c.cac.4543/72 ficou instalada no quartel policial do songo durantea comissão,logo procuro issencialmente o pessoal da companhia mas mencionado assim podera aparecer pessoal dps onde tinha alguns amigos.eu era o quarteleiro e o mecarmas era conhecido das duas maneiras

Anónimo disse...

Minha terra.
Êh impossível alguém se fartar dessa maravilha.
Paisagens invejáveis, temperatura sempre amena, fresca, um verde de se perder o fôlego.
simplesmente espetacular essa vila.
Norge na área.